Super Blog

Meu Negócio

20Mar
3 Formas de Economizar Energia na Indústria

categorias: Meu Negócio,

 

A indústria é um dos setores que mais consome energia no país. A Confederação Nacional da Indústria estima que o consumo atinja por volta de 41% de todo o montante produzido no Brasil. Sendo assim, saber como otimizar o uso de energia na indústria e garantir mais economia é fundamental.

 

Neste artigo daremos algumas dicas para gastar menos e aproveitar melhor o fornecimento energético e também a eficiência de outras fontes. Confira!

 

1. Trabalhe com iluminação natural

 

Ao estruturar seu chão de fábrica, pense na planta do ambiente que será ocupado pelas máquinas e trabalhadores. Uma das principais formas de economizar energia na indústria, desde o início, é setorizar tudo de maneira a aproveitar ao máximo a luz natural.

 

Caso haja uma janela, pense em quais são as áreas de produção que sairiam ganhando com um pouco mais de luz. Assim poderá evitar que haja necessidade de um projeto de iluminação específico para elas, com muitas lâmpadas e outros equipamentos, por exemplo.

 

Manter o local iluminado, se possível, por quatro a oito horas do dia somente com luz natural já fará uma enorme diferença no consumo de energia total.

 

2. Altere o abastecimento dos motores

 

Existem, na área industrial, muitos motores movidos a eletricidade. Modelos mais modernos já oferecem até 20% de economia de energia, mas ainda assim são itens que geram alto consumo. Substituí-los por outros meios de abastecimento pode ser uma técnica efetiva para economizar.

 

Motores à gás, por exemplo, são alguns dos tipos que podem ajudar a evitar o alto gasto com energia na indústria. É necessário realizar estudos e compreender quais são as opções mais viáveis, mas é fato que fazer a alteração trará mudanças significativas no perfil de consumo diário.

 

3. Utilização de gás é uma ótima forma de economizar energia na indústria

 

Quando o assunto são as fontes alternativas de energia, o GLP (gás liquefeito de petróleo), permite um melhor aproveitamento de uma energia renovável para suprir algumas demandas do chão de fábrica, de maneira mais eficiente do que o diesel ou a eletricidade, por exemplo.

 

Investir nesse recurso assim que possível é uma das melhores decisões a tomar, pois as vantagens em médio e longo prazo serão enormes, principalmente em redução de custos.

 

São muitas as aplicações do GLP na indústria, desde os sistemas de refrigeração até o acionamento de motores de empilhadeiras, aquecimento de água e ambientes e máquinas de corte. Fornos também podem ser utilizados com muito mais economia de energia e despesas reduzidas.

 

Gostou de saber mais sobre economia de energia na indústria? Confira mais artigos sobre o assunto aqui no blog da Supergasbras!