Super Blog

05Jun
Tudo o Que Você Precisa Saber Sobre Eficiência Energética na Indústria

categorias: Indústria,

Com tantos equipamentos e processos acontecendo ao mesmo tempo, a eficiência energética na indústria é um dos pontos primordiais a serem analisados para a otimização da produção.
 
A preocupação, entretanto, não deve ser somente com as despesas, mas também com soluções mais sustentáveis e eficazes para a produtividade de modo geral.

Afinal, o que é eficiência energética na indústria?

De acordo com a Abesco, o conceito de eficiência energética determina uma utilização racional de energia, ou seja, um uso consciente e eficiente das fontes energéticas para chegar a algum objetivo. É basicamente uma relação direta entre o quanto de energia será necessário para a atividade e o quanto está disponível para tal.
 
Em um setor como o industrial, que é o que mais consome energia no país, isso é uma discussão extremamente necessária e os preceitos da ideia precisam ser aplicados sempre que possível no chão de fábrica.

Quais práticas são necessárias para atingir a eficiência energética?

Atingir a eficiência energética na indústria é um processo que pede, primeiramente, por reformulações em toda a cadeia produtiva. O principal ponto, por onde tudo deve começar, é entender se há desperdício de recursos.
 
Dificilmente um motor, por exemplo, precisa trabalhar em sua potência nominal máxima. Algo entre 75 e 90% já basta para uma boa produtividade e, na maioria das vezes, trará uma enorme economia de energia.
 
Além disso, pensar no espaço também auxilia. Máquinas que operam em locais muito quentes podem superaquecer e passar a gastar mais energia para operar, isso sem falar nos possíveis defeitos. Portanto, para trabalhar melhor e com eficiência energética, mantenha as fases mais ativas da produção em locais com bom sistema de refrigeração.
 

Fontes de energia influenciam na eficiência

Muitas fábricas têm como cultura aplicar a energia elétrica a todos os postos de produção. Porém, nem sempre essa é a melhor opção para quem busca eficiência energética na indústria. Às vezes, o certo a se fazer é repensar as possíveis fontes de recurso e verificar se não são mais vantajosas.
O GLP, por exemplo, oferece ótimas perspectivas para os diferentes segmentos do setor industrial tanto em termos de eficiência energética quanto em sustentabilidade, pois emite menos poluentes e entrega mais resultado com menos consumo, tudo com 30 ou 40% de redução de custo.
 
Conheça as opções em GLP para sua indústria da Supergasbras e alcance a eficiência energética que sempre desejou em seu chão de fábrica.

Para mais artigos como este, confira o nosso blog!