Voltar à visão geral do blog

Negócio 29/11/2019

3 Práticas de Sucesso Para Gestão de Compras em Supermercados

gestao-de-compras - SupergasBras

A gestão de compras é um dos processos mais importantes no funcionamento de um supermercado. Uma boa operação nesse ponto pode não só aumentar a margem de lucro, mas também evitar problemas como a ruptura e o desperdício.

Quer saber como gerenciar as compras de seu supermercado com eficiência, garantindo os melhores acordos e lucratividade? Confira este artigo que preparamos com algumas dicas!

1. Uma boa gestão de compras exige bons fornecedores

A qualidade da gestão de compras está diretamente relacionada à eficiência e aos serviços prestados pelos fornecedores. Sendo assim, o primeiro passo é ter confiança em seus parceiros comerciais.

Mantenha um histórico de fornecedores qualificados em seu supermercado, com detalhes sobre as vendas e as características de cada um, incluindo informações sobre entrega, prazos e até mesmo preços.

Além disso, não deixe de estabelecer uma lista prévia de requisitos para a escolha de um ou outro fornecedor. Com isso você eliminará aqueles que não são boas opções para seu comércio e investirá nas alternativas que estão mais de acordo com o seu momento e com as suas necessidades atuais.

2. Controle o estoque

Um dos maiores problemas das compras em um supermercado é gerenciar o estoque. Ter total controle de todos os produtos é essencial para evitar aquisições excessivas e gerar desperdício.

Registre todas as entradas e saídas, faça pesquisas periódicas para ver como anda a procura por determinados itens e suas vendas. Então, cruze os dados com as rupturas e o volume de produtos que não foi vendido para fazer as compras com mais assertividade.

3. Programe seus pedidos

O comprador do supermercado pode estabelecer um acordo já determinado com o fornecedor em diversos casos, o que facilita a parceria para ambos.

Tanto para produtos com validade fixa — como a parte de hortifruti — quanto para aqueles que já têm um volume de vendas “estimado”, pela frequência com que são levados ao caixa, é possível fazer esse tipo de contrato. O mesmo vale para serviços, como gás e outros insumos de uso interno.

Essa maneira de se programar facilita muito o processo de compra, venda e entrega de todos os itens, além de evitar problemas com falta de produtos ou de fornecimento de insumos específicos.

Basta combinar com o fornecedor com qual frequência devem ser entregues os itens no estabelecimento e em que quantidade. Vale lembrar, entretanto, que isso não retira a necessidade de uma conferência posterior em relação aos produtos.

Para mais dicas sobre gestão de compras e outros detalhes a respeito de seu supermercado, confira o blog da Supergasbras!