Voltar à visão geral do blog

Negócio 01/11/2021

Otimize Sua Produção Com O Vaporizador Atmosférico Da Supergasbras

Alguns processos industriais exigem um grande volume de energia em pouco tempo. O método natural de geração do GLP, por vaporização — onde o próprio reservatório troca calor com o meio ambiente —, muitas vezes não é suficiente. Sendo assim, torna-se necessário o uso de um equipamento que acelere esse processo. O mais recomendado é o vaporizador atmosférico.


Neste artigo, você vai saber melhor como funcionam os vaporizadores e entender porque o atmosférico é a melhor opção. Continue lendo!

Vaporizador — Como funciona?


Esses equipamentos funcionam como um “trocador de calor”, aquecendo o GLP e fazendo a transição do seu estado líquido para o gasoso. Como o GLP tem alto poder calorífico, ele gera grandes vazões que suprem a necessidade de acordo com a empresa. 


Sendo assim, o vaporizador é peça chave para instalações industriais e qualquer alteração no seu funcionamento pode ter impactos na produção e gerar prejuízos enormes.


Atualmente, existem diversos tipos de equipamentos que fazem a vaporização forçada — mais rápida e ágil — do GLP. Os vaporizadores podem ser elétricos, atmosféricos e à água quente, por exemplo. 


A Supergasbras desenvolveu um vaporizador atmosférico próprio com tecnologia de ponta que oferece benefícios únicos. Conheça mais sobre o Purevap!

Purevap — O vaporizador da Supergasbras

O Purevap é ideal para indústrias que demandam alta vazão de GLP. 


A Supergasbras desenvolveu esse equipamento que utiliza temperatura ambiente para vaporizar o gás com uma tecnologia inovadora. Ele permite a troca térmica com o ambiente em que a central se encontra, reduzindo os custos da indústria, uma vez que não é necessário o uso de outras fontes de energia normalmente utilizadas no processo de vaporização. 


Mesmo em lugares frios, o sistema funciona perfeitamente, gerando bastante energia.


Por este motivo, o vaporizador atmosférico Purevap apresenta diversas vantagens em relação a outros modelos:


  • redução dos custos de produção industrial: o equipamento aproveita a temperatura ambiente, dispensa o uso de energia elétrica, por exemplo;

  • redução na formação de óleo: os vaporizadores convencionais, ao atingirem temperaturas mais elevadas (maior do que 50ºC), impactam as características físico-químicas do GLP, gerando oleínas. Dessa forma, a opção da Supergasbras é também mais sustentável;

  • menor possibilidade de falhas: quando comparados aos equipamentos tradicionais, a vida útil do Purevap é maior.


Gostou de conhecer o nosso vaporizador atmosférico que promete otimizar a produção de energia e gás em indústrias? Então entre em contato com a equipe de atendimento da Supergasbras e saiba como adotar o Purevap no seu negócio!